A ESPINHA DORSAL DA MEMÓRIA de Braulio Tavares

R$55,00

Entregas para o CEP:

Meios de envio

A ESPINHA DORSAL DA MEMÓRIA

Escritor premiado nacional e internacionalmente, tem clássico da ficção científica relançado pela Bandeirola em edição especial

Apontado por escritores e críticos como um dos livros mais importantes da ficção científica nacional, A ESPINHA DORSAL DA MEMÓRIA contribuiu para consolidar a identidade de toda uma geração da FC.

O livro traz doze contos divididos em duas partes independentes entre si. Na primeira parte, entre outros contos, está o ganhador do Prêmio Nova de 1989, Sympathy for the Devil e o curtíssimo Mal-assombrado, em que morcegos e monstros, cada vez mais monstros, se debatem.

Já em Os Ishtarianos estão entre nós, um escritor às voltas com uma invasão de formigas em sua cozinha, tenta descrever a Terra sendo invadida por alienígenas; e o elogiado Cão de lata ao rabo, onde um cientista consegue criar uma fenda no continuum espaçotempo e acaba arremessado em outro universo perseguido por criaturas monstruosas.

Na segunda parte concentram-se as narrativas em que uma raça alienígena é delineada em cinco contos impressionantes. Dentre eles, Mestre de Armas, ganhador do Prêmio Nova de 1990, aborda o treinamento militar de adolescentes para enfrentar os Intrusos.

Príncipe das sombras se passa na noite em que a raça alienígena fez contato com a Humanidade, narrado por um jovem escritor de ficção científica, dono de um cineclube no Rio de Janeiro. Já no conto O espelho-relâmpago no oco do ciclone, Decifradores tentam estabelecer os padrões das tempestades de areia marcianas, talvez uma espécie de linguagem estabelecida pelos Intrusos.

 

Contos de A ESPINHA DORSAL DA MEMÓRIA:

Parte I: Mal-assombrado . Os Ishtarianos estão entre nós . Catálogo de exposição . História de Maldun, o Mensageiro . Cão de lata ao rabo . Mare Tenebrarum . Sympathy for the Devil

Parte II: Príncipe das Sombras . Jogo rápido . Stuntmind . Mestre de Armas . O espelho-relâmpago no oco do ciclone

 

O AUTOR 

BRAULIO TAVARES é antologista, traduziu e organizou títulos de importância fundamental na literatura de gênero, além de escrever o pequeno clássico O QUE É FICÇÃO CIENTÍFICA (Brasiliense, 1986). Escritor premiado nacional e internacionalmente, merece a edição especial e caprichada que a Bandeirola preparou para dois de seus livros mais marcantes: A ESPINHA DORSAL DA MEMÓRIA e MUNDO FANTASMO.

No fundo sou apenas um escritor”, é o que afirma ao ter relacionadas suas habilidades como ficcionista, dramaturgo, antologista, tradutor, roteirista, cordelista, poeta, compositor de sucessos na voz de Elba Ramalho, em parcerias com Lenine e muitos outros. “É o exercício da palavra escrita que dá o fio condutor em tudo o que faço.