CRIMES IMPOSSÍVEIS antologia de Braulio Tavares

CRIMES IMPOSSÍVEIS reúne contos da primeira fase da literatura detetivesca, desde os mestres isolados do século 19 até a década de 1930, considerada a Era de Ouro desse tipo de narrativa. Acompanhamos o desenvolvimento de um dos conceitos mais curiosos do conto e do romance policial – o crime impossível ou de "quarto fechado".

CRIMES IMPOSSÍVEIS é uma antologia com tema inédito no Brasil, com narrativas cuidadosamente selecionadas por Braulio Tavares, entre as pioneiras do tema conhecido como "o quebra-cabeças" da literatura policial. 

Os escritores e os contos que fazem parte dos CRIMES IMPOSSÍVEIS:

O ROMNEY ROUBADO (1919) * Edgar Wallace . A astuta Four-Square Jane rouba dos muito ricos e distribui a quem cuida dos necessitados. O Chefe Superintendente Dawes, da Scotland Yard, conseguirá esclarecer o roubo impossível arquitetado por Square Jane?

A ADAGA DE ALUMÍNIO (1909) * R. Austin Freeman . Um assassinato insolúvel. Só mesmo o metódico, observador e detalhista Dr. Thorndyke para desvendar esse crime.

O SUICÍDIO DE KIAROS (1897) * L. Frank Baum . O autor de O Mágico de Oz, quem diria, também se envolveu com histórias de crimes. Para ele, às vezes o crime compensa e não deixa pistas.

O MISTÉRIO DE DOOMDORF (1914) * Melville Davisson Post . Muitos se dizem culpados, mas nenhum deles cometeu o crime. Isso só é possível na narrativa em que Tio Abner investiga os acontecimentos.

A MORTE NA PRAIA (1922) * Maurice Leblanc . Arsène Lupin, o Ladrão de Casaca, enfrenta duas mulheres e suas fortes paixões.

O PROBLEMA DA CELA 13 (1905) * Jacques Futrelle . Esse clássico das narrativas de "ambiente fechado" não poderia faltar: a história de um duelo entre a engenhosidade individual e um sistema de vigilância coletivo.

A AVENTURA DA FAIXA MALHADA (1892) * Conan Doyle . Essa é considerada uma das melhores aventuras de Sherlock Holmes. E só mesmo ele para proteger a aterrorizada Srta. Helen Stoner.

UMA PASSAGEM NA HISTÓRIA SECRETA DE UMA CONDESSA NA IRLANDA (1838) * Sheridan Le Fanu . Uma jovem orfã em perigo e que conta apenas com a sorte para não ser morta. Você vai precisar de nervos de aço para acompanhar esse relato.

OS ASSASSINATOS NA RUA MORGUE (1841) * Edgar Allan Poe . Clássico dos clássicos, um dos mais enigmáticos crimes de quarto fechado não poderia faltar nesta antologia.

A MALDIÇÃO DO LIVRO (1933)*G. K. Chesterton . Não confie em tudo o que vê e preste atenção em todos que o cercam. Só poderia ser coisa do Padre Brown.